É Preciso Preparo Para Ser Bem Sucedido

Se a pessoa o alcançar o topo da carreira somente porque possui alguém que a banque, poderá causar sérios danos à companhia e à sua carreira no longo prazo

Por Sílvio Celestino

Em tempos de Enem, precisamos reforçar a ideia de que, para ser bem-sucedido, o profissional precisa de preparo. Uma história é contada há algum tempo no mundo executivo:

“Na Inglaterra, em um renomado curso de MBA (Master in Business Administration), a sala está pronta para uma prova importante. É segunda-feira e, enquanto aguardam o início do teste, alunos de diferentes nacionalidades conversam sobre seu final de semana e como o utilizaram para se preparar para a prova. Um deles, holandês, entretanto, revela: ‘Fui velejar!’ Um silêncio se faz e, em seguida, um de seus colegas pergunta, em tom muito sério: ‘Você não se preparou para a prova?’ Era evidente que não!”

O que é relevante nessa curta história não é o aluno não ter se preparado, mas a cultura dos demais, que chamaram sua atenção para o fato de que, se você vai fazer algo tão relevante quanto um teste de um MBA, precisa se preparar... e bem!

Felizmente, tenho conhecimento de que no Brasil algumas ilhas de excelência fomentam alunos com essa natureza: valorizam o preparo acima de qualquer outro fator. Essa é uma cultura com maior chance de sucesso para o indivíduo, as empresas e o País. Afinal, alunos com essa conduta levam para as empresas o comportamento necessário para se tornarem os melhores.

É ótimo ter um cargo de gerência, mas, se a pessoa o alcançar somente porque possui alguém que a banque, poderá causar sérios danos à companhia e à sua carreira no longo prazo.

Nossa cultura ainda distorce muito a ideia da indicação de alguém para um cargo. Ela é apropriada quando há muitos concorrentes solidamente preparados, e não para favorecer os desqualificados.

Nós temos de ter um enorme apreço pelo preparo, o conhecimento e a sabedoria. Um profissional consciente deve transformar-se com o tempo em um líder de valor. Para isso, precisa preparar-se bem, desenvolver seu networking e aprimorar-se no jogo político das empresas.

Se o líder de valor não ocupar os espaços relevantes na companhia, outro, menos qualificado, o fará. E o mundo precisa de líderes preparados! Vamos incentivá-los!

Sílvio Celestino é sócio-fundador da Alliance Coaching e autor do livro "Conversa de Elevador – Uma Fórmula de Sucesso para sua Carreira".


Fonte da imagem: Clique aqui

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More