Problema ou Oportunidade?




É a dimensão dos seus problemas que mostra o quanto você cresceu

Por Caroline Batista

Ao final de uma semana de trabalho, em uma reunião onde falávamos das oportunidades e aprendizados vivenciados na semana, fui surpreendida por um colaborador que fez o seguinte questionamento: “Porque você chama os problemas de oportunidades e aprendizados? Afinal, são problemas e problemas são sempre ruins.” Nesse momento, percebi que eu também já pensei dessa forma e que, certamente, a maioria das pessoas que conheço deve compartilhar dessa visão. 

Acredito que uma das fórmulas do sucesso é passar a entender que os problemas trazidos pelas pessoas podem ser grandes presentes, ou melhor, grandes oportunidades de aprendizado e crescimento, tanto pessoal quanto profissional. Ter a oportunidade de resolvê-los é aproveitar a chance de mostrar sua competência, seu valor como profissional e, obviamente, ganhar mais dinheiro com isso.

Para a maioria das pessoas, a frase “Temos um problema” é sinônimo de mais trabalho, preocupação e estresse, o que normalmente vem acompanhado de uma dor de cabeça adicional. E o pior é que, pensando dessa forma, você acaba atraindo exatamente isso. Hubert Rampersad já escreveu que os pensamentos têm energia, o que, por sua vez, atrai ainda mais energia, fazendo com que você traga para a sua vida exatamente aquilo que pensa. Buda também disse algo parecido. São os seus pensamentos dominantes encontrando um modo de se manifestar.

Então, um problema pode ser o seu pior pesadelo, mas também pode ser como nuvens que vão e vem e que se dispersam com muita facilidade. O que vai fazer a diferença é a forma como você o enxerga. Cada problema é uma grande oportunidade de mostrar o quanto você é especial. Dentro das empresas, as pessoas que sabem, que gostam e que conseguem resolver os maiores problemas são as que têm os melhores cargos e salários. Estes são verdadeiros mestres em resolver problemas e enfrentar dificuldades. Aliás, esse é um convite que recebem todos os dias e, como recompensa, têm a sua vida em ascensão.

Em todos os momentos, somos convidados a estar dentro ou fora do jogo e cabe a nós decidirmos qual o caminho desejamos seguir. O que vejo, na maioria das vezes, são pessoas reclamando de todas as formas possíveis das mais variadas situações e, quando surge a oportunidade de demonstrarem a sua capacidade frente a uma dificuldade, ficam estressados, perturbados e o único pensamento que conseguem ter é que o problema precisa desaparecer. Estas pessoas acreditam que viver bem é uma rotina sem interferências, estagnada e monótona, e optar por esse caminho é não permitir que a sua vida seja impulsionada a seguir adiante.

Sim, toda vez que você resolve um problema, é como se a sua vida subisse um degrau. Então, o que você prefere? Assistir ao jogo da arquibancada para não correr o risco de ser vaiado em caso de derrota ou, independente do resultado, estar lá, dentro do campo, lutando ombro a ombro com os seus companheiros de batalha?

É a dimensão dos seus problemas que mostra o quanto você cresceu.Você está constantemente sendo avaliado, não apenas pelos resultados que entrega, mas principalmente pela sua atitude. Vejo muitas pessoas se desculpando e literalmente tirando o corpo fora diante de uma dificuldade. 

Somos como uma espada e devemos ser forjados no fogo, ou seja, nas situações mais problemáticas. Cada um de nós se torna melhor à medida que resolve as dificuldades. Tornamo-nos mais capazes, mais competentes, melhoramos o controle emocional e a capacidade de agir sob pressão e, como plus, descobrimos novas competências que nem imaginávamos possuir, além dos bons resultados que acabamos colhendo. É nesse momento que o reconhecimento dos outros acontece.

Por isso, adoro problemas. Ou melhor, oportunidades e aprendizados. No fim, eles não são difíceis, mas desafiantes.

E você: que problema vai ajudar a sua empresa a resolver hoje? E que problema pode ajudar outras pessoas a resolver?

Decida se você quer ser especial ou apenas mais um na multidão.

Caroline Batista - diretora geral e de planejamento da Penso Ideias.

fonte da imagem: Clique aqui

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More