Como Ser Feliz no Trabalho?



Promoção, um bom salário, cargo de liderança, eficiência, ter um gestor competente ou harmonia com os colegas de equipe. Muitas são as opções para avaliar o ambiente profissional. Para saber a opinião do público jovem, o Núcleo Brasileiro de Estágios – Nube realizou, entre 16 de dezembro de 2013 e 3 de janeiro de 2014, uma pesquisa com o tema: Para você, o que significa ser feliz no trabalho? O resultado surpreendeu – a remuneração já não é o fator mais relevante.
Um total de 7.791 votantes, de 15 a 26 anos, escolheu dentre as opções: “Alcançar altos cargos e ter status”, “Conseguir conciliar vida pessoal e profissional”, “Satisfação pessoal com seu desempenho”, “Ganhar muito dinheiro” e “Ter um relacionamento saudável com os colegas”.

Com 53,01% dos votos, a alternativa “Satisfação pessoal com seu desempenho” foi a grande preferida. Para Marcelo Cunha, analista de treinamento e desenvolvimento do Nube, quem a selecionou se sente motivado quando encontra, em sua rotina, tarefas desafiadoras dos próprios limites. “Esse perfil precisa ter confiança em relação às atividades atribuídas, ser competente para sua função e contar com um acompanhamento capaz de reafirmar sua credibilidade”, afirma.

Contrariando velhos paradigmas, a possibilidade com menor índice de aderência (2,35%) foi “Ganhar muito dinheiro”. Cunha justifica: “atualmente, a recompensa financeira é vista exatamente como consequência da performance profissional”. Portanto, o trabalho é encarado como necessidade de autorrealização e, o bem-estar econômico, como fruto natural dos bons resultados.

A segunda colocada, “Conseguir conciliar vida pessoal e profissional”, também teve peso significativo nos números, com 27,94% dos votos. Em terceiro e quarto lugar ficaram, respectivamente, “Ter um relacionamento saudável com os colegas” (9,87%) e “Alcançar altos cargos e ter status” (6,83%).

É perceptível: novos valores estão em jogo atualmente. Segundo Cunha, dentre eles estão o reconhecimento, imediatismo, curiosidade e busca por superação. “Esses aspectos são influenciados pela maneira como os jovens são criados hoje. Um bom exemplo são as redes sociais, pois reforçam a exposição e a procura por destaque”, finaliza.


Fonte da imagem: Clique aqui

1 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More