10 Dicas Imperdíveis Para Escolher a Franquia Ideal

Veja quais são os principais pontos que devem ser analisados para escolher sua franquia

Por Priscila Zuini

Investir em franquias é uma opção para muitos empreendedores que buscam ter o negócio próprio, mas sem começar uma marca do zero. Com o modelo já formatado, os riscos acabam sendo menores, o que atrai muitos empresários.

Uma prova desta atração do brasileiro pelas franquias é que o país abriga o maior evento deste setor do mundo, a ABF Franchising Expo.

Para não se perder em meio a tantas opções, os especialistas José Carlos Fugice, sócio da GoAkira, Isa Silveira, sócia da Avance Franchising, e Luis Henrique Stockler, sócio da ba}Stockler, ensinam o passo-a-passo para não errar na hora de escolher o melhor negócio.

1. Entenda o sistema

O primeiro passo para começar a buscar uma franquia é compreender como este sistema funciona. "Conheça os direitos e deveres das partes", sugere Isa. É importante buscar informação sobre como funciona a desistência do negócio, as obrigações do franqueado e também a estrutura das redes.

2. Avalie seu perfil

Nem todo empreendedor serve para ser franqueado. Com regras de padrão muitas vezes estritas, os mais criativos podem ficar frustrados com o negócio. Por isso, avalie se você teria satisfação seguindo as regras da rede. "Você não tem a mesma liberdade de quem faz um negócio próprio, precisa seguir os procedimentos da rede", explica Isa.

Isso não significa que os mais criativos nunca vão se dar bem com franquias. Fugice indica que há perfis adequados para cada personalidade. "Se for mais criativo e empreendedor e buscar redes mais consolidadas, pode ser que frustre um pouco, porque elas têm um modelo de negócio mais engessado. O ideal, para este perfil, é buscar redes que estão iniciando e contam com as ideias dos franqueados", indica o consultor.

3. Teste sua afinidade

Já com seu próprio perfil em mãos, é hora de buscar oportunidades. "A primeira coisa é ter afinidade com o segmento que vai atuar", diz Fugice. Depois de definir alguns segmentos, pesquise como é a rotina de trabalho. Se você não estiver disposto a trabalhar aos finais de semana, por exemplo, precisa eliminar as franquias que vão exigir isto. "Elimine o que jamais se veria operando, no dia a dia", sugere Stockler.

4. Crie um filtro

Assim como o tipo de rotina de trabalho, o empreendedor deve criar filtros que ajudem a refinar a busca por marcas. "Há negócios que não conseguem operar em uma cidade muito pequena, ou mais voltada para determinada classe", diz Isa. Selecione então negócios por nível de investimento, adequação à região ou mesmo tipo de produto.

5. Reveja as finanças

O investimento inicial é um dos fatores determinantes para escolher um negócio. O valor divulgado pelas redes geralmente contempla o suficiente para implantar a franquia. É responsabilidade do franqueado ter uma reserva para se manter nos meses seguintes. "O negócio pode não dar certo de cara e vai precisar de uma reserva financeira. Tem que ir com certa folga para não se desesperar", diz Isa. O ideal é ter ao menos três meses do valor do capital de giro reservado.

Hoje, várias instituições financeiras oferecem linhas de crédito para começar uma franquia. O ideal é não pegar mais do que 30% do investimento inicial. "Há várias situações em que o franqueado pega recursos com amigos e bancos, não faz prepara e acaba se endividando", diz Fugice. Vale lembrar que o retorno do investimento pode variar muito com as características e a localização de cada ponto.

6. Pesquise o nível o formatação

Com até cinco redes em mente, é hora de pesquisar sobre a estrutura de cada uma delas. "É importante conhecer o nível de formatação da franquia. Um bom indicador é estar na ABF, o que significa que já passou por processo de formatação", indica Isa.

Verifique ainda se a rede tem lojas próprias, avalie as projeções financeiras, os treinamentos e as estratégias de marketing e gestão. " Eu costumo dizer que uma franquia não pode ser um negócio amador. São empresas de ponta, tem sistema de gestão, um bom projeto arquitetônico e devem estar atualizadas e profissionalizadas", define a consultora.

7. Converse com outros franqueados

Depois de algumas entrevistas, as redes devem entregar aos candidatos a Circular de Oferta de Franquia, conhecida como COF. Neste documento, estão todos os dados sobre a empresa, inclusive os contatos de franqueados e as taxas que serão cobradas. "O franqueado tem 10 dias para fazer a análise da COF e é recomendável que ele consulte uma advogado especializado em franquias", diz Isa.

Converse com os franqueados atuais e também com os que saíram da rede para entender como é o negócio na ponta. "Analise o nível de satisfação com parte financeira, a aceitação do conceito pelo mercado e o nível de satisfação dos franqueados com a rede", indica.

8. Não decida sob pressão

Quem vai aproveitar a feira para fazer este processo deve ir preparado. Já verifique onde estão as redes que gostaria de conhecer e lembre-se de que não é permitido fechar negócios no evento. "Evite franqueadores que pressionem para fechar negócio. Franquia não é um negócio que se compra de impulso", aconselha Isa. Sem tempo para analisar a COF, o futuro franqueado pode acabar tomando a decisão errada.

9. Marque várias conversas

Outra opção para fazer um trabalho mais focado na feira é agendar conversas previamente com algumas marcas de interesse. "Você não vai conseguir visitar todas com atenção em um único dia. Por isso, monte seu plano de ação com o mapa em mãos e não deixe de levar o cartão de visita para o contato acontecer pós-feira", ensina Stockler. Segundo consultor, ir cedo e evitar horários mais cheios, como o sábado, facilitam a circulação.

10. Decida em conjunto

Quando todas estas etapas forem cumpridas e a marca escolhida, é hora de sentar com a família para tomar a decisão final. "A família precisa concordar com esse processo e colaborar também. A família precisa entender o que é ser um empresário, que você pode passar por dificuldades financeiras e outras situações que quem é empregado não passa", diz Isa.


Fonte da imagem: Clique aqui

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More