20 Franquias Que Estão de Olho em Cidades do Interior

Veja algumas marcas que têm planos de expansão focados em cidades do interior do país

Por Camila Lam

A expansão para cidades do interior do país é acompanhada de perto por algumas redes de franquias. Os custos mais baixos com locação, marketing e mão de obra são alguns dos motivos. “O potencial de faturamento se equipara a grandes centros urbanos e com lucratividade maior”, afirma Luis Henrique Stockler, da ba}Stockler.

Além disso, é preciso ressaltar a importância de verificar se o conceito da empresa tem aderência com a cidade escolhida. Veja algumas franquias que têm plano de expansão com foco em cidades do interior do país. Todos os dados e valores foram fornecidos pelas próprias redes.

Ares Perfumes

A franquia Ares Perfumes é especializada em perfumaria e cosméticos. Hoje, a marca tem 62 franquias, sendo que 45% estão no interior. O plano de expansão tem foco em cidades com, pelo menos, 25 mil habitantes. A expectativa é de fechar o ano com 120 unidades e que as franquias no interior representem mais de 60% do total. O investimento necessário para abrir um quiosque da marca é de 60 mil reais, sendo que a taxa custa 28 mil reais. O prazo de retorno do capital investido é de 18 a 24 meses.

China House

Fundada em 1995, a China House é uma rede de delivery de comida chinesa. A marca tem 17 franquias, sendo seis em cidades do interior. O plano de expansão prevê a abertura de cinco unidades no interior do estado de São Paulo. É preciso desembolsar 230 mil reais para abrir uma franquia. A taxa custa 30 mil reais e o prazo de retorno do capital investido é de 24 a 36 meses.

Croasonho

A Croasonho, rede especializada no comércio de croissants recheados, conta com 43 lojas. Para este ano, estão previstas a abertura de 30 unidades, em cidades como Uberlândia, em Minas Gerais, Cascavel, no Paraná, e Paulínia, em São Paulo. O custo para abrir uma franquia da marca é de 355 mil reais, a taxa é de 45 mil reais e o prazo de retorno do capital é de até 36 meses.

Chopp Brahma Express

A franquia Chopp Brahma Express é voltada para o comércio de produtos para eventos, como o chopp da marca e refrigerantes. Neste formato, também é possível fazer o pedido por delivery. Segundo Raphael Rizzo, gerente de novos negócios da Ambev, a demanda das cidades do interior é crescente. O custo para abrir uma unidade da marca é a partir de 300 mil reais, sendo que a taxa inicial de franquia é de 100 mil reais. O retorno do capital investido acontece a partir de 24 meses. 

EcoJardim

Fundada em 2011, a franquia Eco Jardim está presente em 18 estados brasileiros. Hoje, a marca voltada para tratamento de plantas e jardins tem 70 unidades. A expectativa para esse ano é chegar a 120 unidades, com foco no interior. O custo inicial para abrir uma franquia é de 24,6 mil reais. O prazo de retorno acontece em até 12 meses.

HOPE Lingerie

A rede de franquias HOPE Lingerie tem mais de 115 lojas. A previsão para até o final do ano é de inaugurar 50 novas unidades, sendo que 40 em cidades do interior, como Taubaté e Piracicaba. As regiões de interesse são cidades com mais de 150 mil habitantes. O investimento inicial para abrir uma loja da marca é de, em média, 350 mil reais. A taxa de franquia custa 40 mil reais e o retorno do investimento acontece em até 36 meses. 

Imaginarium

Fundada em 1987, a Imaginarium conta com 131 unidades franqueadas. A rede especializada no comércio de presentes e objetos de decoração tem dois modelos de franquias. O formato compact tem como foco cidades do interior a partir de 150 mil habitantes. A expectativa é de inaugurar 100 novas unidades até 2015. O custo inicial para abrir uma loja é de 210 mil reais e o prazo de retorno do investimento é de até 40 meses. 

Livraria Nobel

Fundada em 1943, a Livraria Nobel começou sua expansão por meio do franchising em 1992. Hoje, conta com 220 unidades, sendo que destas 40 estão localizadas fora das capitais. O plano de expansão para este ano estima crescimento de 10% em relação ao número de unidades franqueadas. O custo inicial para abrir uma loja da marca é de 139 mil reais e a taxa de franquia custa a partir de 40 mil reais. A previsão de retorno do investimento é de 24 a 36 meses. 

McTech

A franquia McTech, escola de informática para cursos na plataforma Apple, foi fundada em 2010 pelos filhos do empresário Eloy Tuffi, da Microcamp. Hoje, a marca conta com 10 unidades. Até 2014, a rede pretende abrir, em média, 30 franquias nas cidades do interior de São Paulo. O investimento inicial parar abrir uma loja é de 120 mil reais e o prazo de retorno do capital investido é de até 24 meses.

MegaMatte

A MegaMatte foi fundada em 1994 e é especializada no comércio de mate e lanches saudáveis. Hoje, tem 101 unidades franqueadas e, de acordo com Fátima Rocha, diretora-executiva da marca, o plano de expansão tem como foco cidades do interior. “Esse é o nosso próximo foco. Ainda há espaço para crescer nas capitais, mas em poucas áreas”, explica. O investimento inicial para abrir uma franquia varia de 70 mil a 270 mil reais. A previsão de retorno do investimento é de 24 a 36 meses.

Microlins

O Grupo Multi Educação é dono das marcas Wizard, Yázigi e Microlins. De acordo com Arno Krug, diretor de expansão do Grupo Multi Educação, o plano de expansão do grupo é de abrir 400 novas escolas até o final do ano e muitas delas em cidades do interior. Para abrir uma unidade da rede Microlins, rede de escolas de cursos profissionalizantes, por exemplo, o investimento inicial é de 60,1 mil reais. A taxa de franquia custa 23,9 mil reais e a previsão de retorno do investimento é de 18 a 27 meses.

Mr. Mix

Mais da metade das franquias da Mr. Mix, especializada em milk shakes, está em cidades do interior. Fundada em Porto Ferreira, São Paulo, a marca tem 100 unidades em operação e 50 em implantação. As cidades com menos de 300 mil habitantes são o foco do plano de expansão. O custo inicial para abrir uma franquia da marca é de 115 mil reais e o prazo de retorno do capital é de 24 meses.

Nutty Bavarian

Fundada em 1996, a Nutty Bavarian comercializa castanhas glaceadas e tem 87 pontos de vendas, sendo que destes, 39 estão em cidades do interior. A marca pretende fechar o ano com 100 franquias. O custo inicial para abrir uma unidade da marca é de 80 mil reais e a previsão de retorno do investimento é de 12 meses.

Premiatto

A Premiatto foi fundada em 1999 e começou sua expansão por meio de franquias em 2003. Os planos de expansão da marca tem como foco aumentar a participação no mercado de alimentação no nordeste e em cidades do interior do país. O investimento inicial para abrir uma unidade é de 326 mil reais, dependendo da metragem da loja. O prazo médio de retorno do investimento é de 24 a 36 meses. 

Prima Clean

A Prima Clean é uma rede de lavanderias express e faz parte do Grupo Acerte Franchising, dona da Quality Lavanderia. Fundada em 1996, a marca tem 19 unidades em cidades como Altamira, no Pará, Caraguatatuba, em São Paulo, e Pouso Alegre, Minas Gerais. O plano de expansão da rede é atuar em cidades do interior, principalmente as universitárias. O custo para abrir uma franquia é de a partir de 110 mil reais e o retorno do investimento acontece em 24 meses. 

Portobello Shop

A Portobello Shop, especializada no comércio de revestimentos cerâmicos, foi fundada em 1979. Hoje, tem 110 unidades, sendo que destas 65 se localizam em cidades do interior como Barreiras, na Bahia, Dourados, no Mato Grosso do Sul, e Arapongas, no Paraná. As expectativas para esse ano é de fechar com 140 unidades. O custo inicial para abrir uma loja é de 373 mil reais e a previsão de retorno do investimento é de 36 a 40 meses.

Samello

Fundada em 1926, a Samello iniciou sua expansão por meio do franchising em 1999. A marca especializada no comércio de calçados masculinos tem 19 unidades. Para esse ano, estão previstas a abertura de oito lojas em cidades como Poços de Caldas, em Minas Gerais, e Franca, em São Paulo. O investimento inicial para abrir uma franquia da marca é de 325 mil reais e o valor não inclui o ponto comercial. O retorno do capital investido acontece em até 36 meses.

Tennis Express

A Tennis Express faz parte do Grupo Afeet, dono das marcas Authentic Feet, Artwalk e Magic Feet, e foi fundada em 2011. Hoje, a marca tem 11 unidades e a expectativa para esse ano é da inauguração de mais 15. O plano de expansão da marca inclui cidades com mais de 200 mil habitantes. Para abrir uma franquia da marca o custo é de 395 mil reais e o retorno do capital investido acontece em até 30 meses.

Tyrol

A Tyrol atua no ramo de vestuário infantil e foi fundada em 1964. Hoje, a marca tem 29 unidades entre próprias e franqueadas. Em junho será inaugurada uma unidade em Ribeirão Preto e a empresa está prospectando Piracicaba e Jundiaí, todas no interior de São Paulo. O custo para abrir uma loja de 40 metros quadrados é de a partir de 180 mil reais. O prazo de retorno é aproximadamente de 36 meses.

VestCasa

Fundada em 2008, a VestCasa, especializada em produtos de cama, mesa e banho, iniciou no franchising no ano seguinte. O plano de expansão da marca consiste em atuar em cidades com cerca de 50 mil habitantes. Hoje, a rede tem mais de 100 franquias e pretende chegar a 160 unidades até o final deste ano e 400 até 2015. O custo inicial para abrir uma unidade é de 150 mil reais e o prazo de retorno do capital investido é de até 18 meses.


Fonte da imagem: edição própria com logos pesquisados no google.com

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More