11 Dicas Para Você e Seu Parceiro Enriquecerem Juntos

Confira as dicas dos consultores financeiros e aprenda a cuidar das finanças junto com seu parceiro

por Luiza Furquim

O casamento, por si só, é um negócio entre dois sócios dispostos a crescer juntos. Metas em comum são a base do relacionamento. Mas um precisa apoiar os sonhos do outro para que os planos se realizem. Veja as dicas dos consultores Ricardo Fairbainks e Samy Dana para chegar lá:

1. Para poder fazer planos, cada um deve saber quanto o outro ganha.

2. Os gastos com as contas da casa devem ser proporcionais ao salário. Por exemplo, se a sua renda é 60% de tudo o que o casal ganha, o justo é que você assuma 60% das contas.

3. Você pode dividir seu orçamento por áreas, como educação, sobrevivência e entretenimento. Isso ajuda a enxergar se uma das áreas está pesando demais.

4. Se estão no vermelho, equilibrar as contas deve ser a primeira meta a cumprir. Não parcele compras nem use cheque especial.

5. Planeje seu orçamento com os seus gastos fixos, sem contar com o 13º e extras, que devem ir para a poupança.

6. Parcele apenas se o negócio for muito bom e procure não assumir dívidas mais longas do que 36 meses. Isso pode comprometer seu orçamento futuro.

7. Tracem metas específicas, como viagem ou compra de uma casa. Aí, estabeleçam o prazo e como vão atingi-las.

8. Não é só economizar. Um casal tem de aproveitar o dinheiro que guardou para melhorar de vida. Presenteiem-se a cada três meses de metas cumpridas.

9. Façam uma reserva de pelo menos seis meses de trabalho para imprevistos.

10. Gastaram muito? Compensem cortando alguma coisa.

11. Mesmo que um dos membros do casal não trabalhe, deve ajudar nas finanças controlando gastos ou planejando despesas.

Segredos do sucesso

· Tenha metas e seja paciente. O prazer de realizar um sonho deve ser incentivo para aguentar o período de vacas magras.

· Não esconda nada do parceiro. Tudo que for gasto deve ser de conhecimento do casal e ir para uma planilha.

· Resista à tentação de subir o padrão de vida de acordo com a renda. Aproveite para poupar.

· Arrisque. Um investimento fora do banco, como pegar um carro velho, arrumar e vender, pode ser mais lucrativo.

· Não espere o outro se dar bem primeiro e se acomodar. Os dois precisam se esforçar juntos.

Fonte: mdemulher.abril.com.br
fonte da imagem: gettyimages

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More