Série ETIQUETA PROFISSIONAL - 7 dúvidas e respostas sobre amigo secreto no trabalho

De qual presente dar até como descrever um amigo: veja dicas práticas para não entrar numa saia justa na brincadeira mais tradicional das festas de fim de ano

Por Talita Abrantes

Na maratona até o 31 de dezembro, o amigo secreto no trabalho é quase parada obrigatória para muitas equipes. Apesar da diversão típica da versão profissional desta brincadeira, em alguns casos, o jogo pode trazer algumas leves dores de cabeça para algumas pessoas. A começar por qual presente escolher.

“O presente tem a função de ferramenta de comunicação”, afirma a consultora de etiqueta empresarial Licia Egger. “Por meio dele a gente fala o quanto elas são queridas, ou não”.

Mas o que fazer quando você não conhece o amigo em secreto em questão? E se não gostar do presente que receber? Pior: o que fazer se for sorteado para presentear seu chefe? Confira as respostas de Lícia e as dicas de carreira: 

O que nunca presentear no amigo secreto no trabalho? 

Objetivos demasiadamente pessoais e íntimos. Na categoria inclua roupas íntimas, perfumes, desodorantes e cremes, além de objetivos vendidos em sex shop, livros ou filmes eróticos. Roupas também não são uma boa opção – já que você raramente saberá o tamanho do amigo. 

Atenção também se seu amigo secreto é do sexo oposto e das intenções subentendidas que o presente pode dar a entender. Compre algo que seu amigo possa mostrar para todos - inclusive o chefe – sem ficar ruborizado. 

Quais tipos de presentes são mais adequados? 

Invista em objetos mais genéricos como livros (com as devidas garantias que poderá ser trocado depois), porta-retratos, objetos de escritório e até bebidas alcoolicas (dependendo do ambiente em que você estiver). “Apostar em objetos criativos que tenham alguma ligação com o trabalho quase sempre agrada todo mundo”, diz Licia.

Tirei meu chefe. E agora?

Primeiro, nada de pânico. O seu chefe também faz parte da empresa – como qualquer outro colega. A diferença é que ele está alguns degraus acima na hierarquia. Por isso, nada de querer impressioná-lo com presentes de valores muito superiores ao combinado. Sem querer, isso pode ser um tiro no pé. 

Não sei nada sobre a pessoa que tirei. O que fazer?

Se não conhece, deve procurar conhecê-la. Ponto. De um jeito discreto, é claro. Mas investigue sobre os hobbies, gostos e, principalmente, sobre quem ela é. “Procure dentro do que descobriu, e das suas possibilidades financeiras, agradar quem vai receber o presente”, diz. Pode ser uma ótima chance para se aproximar mais de um colega. 

Como descrever meu colega (sem acabar com a reputação dele e com a minha)?

Escolha adjetivos e lembranças positivas. E fuja, segundo a especialista, de citar as características negativas ou físicas que de algum modo incomodam o colega – ou o depreciam. A especialista afirma: “Se você verbalizar algum pensamento negativo pode humilhar a pessoa. Lembre-se é um momento de confraternização”. Não de apunhaladas, vinganças ou cutucadas. 

E quando eu não gostar (ou odiar) o presente?

Seja gentil e, nem sob tortura, deixe transparecer seu descontentamento. “Temos que ser menos gananciosos. O que vale sempre é a brincadeira”, diz.

Como presentear no amigo da onça (sem fazer bullying)?

Algumas equipes “inovam” e, no lugar do tradicional amigo secreto, preferem a brincadeira do “amigo da onça”. Nela, os presentes tem o objetivo de ser divertidos e, se possível, tirar um sarro da pessoa presenteada. Neste caso, novamente, cuidado para não ofender. “Faça brincadeiras com características da pessoa que sejam simpáticas”, aconselha. 


Fonte da imagem: Clique aqui

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More