7 Técnicas de Bajular o Chefe Sem Exagerar

A maneira correta de fazer elogios pode ajudar na ascensão profissional

Por Elisa Tozzi

Nos jogos políticos que acontecem todos os dias no trabalho, ninguém quer ser visto como puxa-saco. A ciência, porém, mostra que, fantasiada de elogio, a bajulação funciona muito bem nas empresas. Uma das últimas pesquisas relacionadas ao tema, feita ano passado por Ithai Stern, da Kellogg School of Management, e por James Westphal, da Universidade de Michigan, ambos dos Estados Unidos, oferece mais dados à discussão.

Os dois professores entrevistaram 42 presidentes de empresas americanas para descobrir quais táticas de elogios são vistas, pela alta liderança, como influência positiva (e não como manipulação pura) e conseguiram mapear sete estratégias de amabilidades mais bem aceitas.

Conselho de ouro

Quando o profissional faz um elogio embutido em um pedido de conselho. Exemplo: "Como você conseguiu fechar esse negócio de maneira tão vantajosa?"

Crítica antecipada

O subalterno faz uma ressalva antes de acatar a decisão do chefe, acentuando o "brilho", do chefe. Exemplo: "No começo, eu não concordava com esse ponto, mas, agora que você explicou, faz todo sentido".

Via mensageiro

O funcionário fala bem do chefe para amigos em comum, sabendo que o elogio chegará aos ouvidos do líder. Exemplo: "O fulano fez com que eu aprendesse muito nesses últimos anos".

Leve constrangimento

O bajulador cria uma situação levemente desconfortável para, depois, fazer o elogio. Exemplo: depois de uma reunião, o bajulador chega para o chefe e diz: "Não quero constrangê-lo, mas preciso dizer que a sua apresentação foi a melhor que já vi na vida".

Conformidade de opiniões

A pessoa se esforça para descobrir as opiniões do chefe e só faz comentários concordantes. Exemplo: o gestor se mostra preocupado em conter despesas. "Sou a favor de começar a cortar custos já, para não termos problemas no final do ano."

Conformidade de valores

A pessoa se esforça para sacar as preferências políticas, religiosas ou morais do chefe e procura se alinhar com ele. Exemplo: "Acho que o governo deveria cortar impostos trabalhistas para aumentar o salário mínimo."

Demonstrar referências sociais

A pessoa procurar criar vínculos apontando signos sociais em comum. Exemplo: "também fiz MBA em Chicago. Em que ano você estudou lá?".


Fonte da imagem: Clique aqui

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More