Seis Dicas Para se Dar Bem no Novo Emprego


Autor: Caio Lauer

Quem nunca sentiu o chamado “frio na barriga” quando vai ingressar em um novo emprego? Nestes momentos, o novo ambiente, as inseguranças e o receio de como as pessoas irão nos acolher contam muito para nossa expectativa de sucesso na nova jornada profissional. 

Conversamos com profissionais de RH e Administração que nos deram algumas dicas para que esta fase inicial transcorra da melhor maneira possível. Confira! 

1-Leitura do ambiente: 

“Seja na primeira ou décima troca de emprego, essa dica é muito importante. Antes de chegar falando tudo o que pensa, emitir opiniões e fazer pré- julgamentos, o profissional deve observar como é a relação entre as pessoas, a forma delas trabalharem e escutá-las. Vestimenta, ritmo de trabalho e relacionamento entre os pares são pontos que devem ganhar atenção”, aconselha Danilo Afonso, gerente do Instituto de Organização Racional do Trabalho (IDORT) 

2-Cautela em mostrar habilidades: 

“É normal a ansiedade de chegar em uma nova empresa e logo querer mostrar a capacidade profissional. Porém, deve haver certo cuidado em transparecer, logo de cara, as melhores habilidades a seus pares. Estas pessoas poderão achar que o novo empregado quer impor que é melhor que o restante da equipe, causando certo repúdio. O indicado é apresentar as qualidades pouco a pouco”, indica Danilo. 

3-Se mostrar aberto à novidades: 

“Demonstre que você quer conhecer seus novos colegas de trabalho e quer aprender com eles. Mostre-se aberto para perguntas e também para perguntar. Busque interação. Conhecer o dia a dia das pessoas com as quais você trabalha pode ajudar na convivência no ambiente corporativo. Compartilhe experiências e procure entender o ponto de vista de cada um a sua volta”, opina Anderson Cavalcante, administrador de empresas. 

4-Foque no presente: 

“O que passou te trouxe aprendizados e pode até ter deixado saudade. Contudo, para que a nova experiência seja positiva, é preciso focar no presente, não ficando preso às vivências passadas. Evite comparações, tentando não buscar semelhanças entre os costumes da empresa nova e da antiga”, conta Cavalcante. 

5-Ser coerente após a seleção: 

“O profissional deve ter postura igual ao perfil que demonstrou ter na fase do recrutamento. A empresa o contratou por conta de suas características técnicas e comportamentais, e ele será avaliado em seu período inicial também por estas características”, relata Lucélia Borges, sócio-diretora da Start Total Consultoria de Carreira e Treinamento. 

6-Desenvolver bons relacionamentos: 

“Não somente com membros internos, mas também com clientes e fornecedores, por exemplo. A boa impressão logo de cara conta muito, e ser sempre agradável e prestativo com os colegas e desenvolver a liderança é vantajoso, pois, na hora de uma promoção ou indicação, você sempre será lembrado”, conta Lucélia. 


0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

Envie para sua rede

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More